Qualidade e Diferenciais SIGEO

O que diferencia esses materiais dos demais, particularmente concretos a base de cimentos Portland:

  • Abundância de matérias-primas: muitos materiais sílico-aluminosos naturais podem ser utilizados na produção de geopolímeros.
  • Baixo consumo energético, maior sustentabilidade: a produção de geopolímeros demanda pouca energia comparativamente ao cimento Portland. Além disso, enquanto a produção de 1 tonelada de cimento Portland é responsável pela emissão de mais de 900 kg de CO 2 , o gás responsável pelo efeito estufa, a produção de volume equivalente de geopolímeros emite pouco mais 200 kg.
  • Notável estabilidade volumétrica: os geopolímeros possuem coeficiente de retração médio 80% inferior ao do cimento Portland.
  • Excepcional ganho de resistência: geopolímeros podem atingir 70% da máxima resistência à compressão em até 4 horas.
  • Excelente estabilidade química: concretos geopolímeros possuem resistência ao ataque químico muito superior ao dos baseados em cimento Portland. São particularmente resistentes ao ataque de sulfatos.
  • Elevada estabilidade térmica: geopolímeros resistem a temperaturas superiores a 1200 °C sem perder as características funcionais.
  • Baixa condutividade térmica: k varia entre 0,24 e 0,3 W/mK.
  • Reação álcali-agregado: concretos geopoliméricos são imunes a esse tipo de patologia.
  • Carbonatação: concretos geopoliméricos não estão sujeitos ao fenômeno, uma vez que não possuem compostos de cálcio livres.
  • Campo de aplicação: vasto, desde construção civil, moldes de fundição, refratários especiais, artes plásticas, até componentes para a indústria aeroespacial.